Um dia, uma infinidade de criaturas verdadeiramente aterrorizantes vagaram pelo planeta, nadaram nos oceanos e voaram pelos ares. Comparando com esses horríveis animais já extintos, as criaturas mais mortíferas de hoje em dia chegam a parecer bastante inofensivas. Felizmente, da última vez que verifiquei, os cientistas ainda estão longe de criar uma máquina do tempo, de modo que provavelmente nenhum de nós verá essas bestas na vida real.

O sarcosuchus tinha o dobro do tamanho dos crocodilos e jacarés de hoje em dia, medindo até 12 metros de comprimento e pesando cerca de oito toneladas. Além disso, um sarcosuchus tinha não menos de 132 dentes em seus maxilares.

14. TIGRE-DE-DENTE-DE-SABRE

Alguns deles pesavam mais de 850 quilos. Eles estavam entre os melhores predadores da época e tinham um inimigo preferido: nós. E as chances de vitória eram, digamos, na maioria das vezes do gatinho.

13. MEGALODONTE, O TUBARÃO-MONSTRO

Os Megalodontes geralmente apresentavam mandíbulas com mais de 2 metros de diâmetro e podiam atingir um comprimento de mais de 18 metros. Muitos deles pesavam mais de 100 toneladas.

12. ARCTOTHERIUM LATIDENS, O URSO GIGANTE

Esses poderosos ursos pré-históricos chegavam a pesar até 1800 quilogramas e talvez seja o maior mamífero carnívoro terrestre já descoberto.

11. JAEKELOPTERUS, O MAIOR ARTRÓPODE DE TODOS

O antigo Jaekelopterus, maior membro conhecido deste filo, alcançava até mais de 8 metros de comprimento. Ah, e também tinha garras enormes no final dos braços de 90 cm de comprimento, de modo que aparentava ser ainda maior.

10. DAEODON, O PORCO-MONSTRO

Eles são às vezes chamados de “porcos do inferno” devido ao seu tamanho e, em particular, devido a seus maxilares e dentes maciços.

9. GIGANTOSSAURO, DOMINANDO O T-REX

Muitos pensam que o T-Rex é o maior de todos os dinossauros, mas, tenho uma notícia, ele é bem menor que o Gigantossauro, uma besta poderosa que media até 13,7 metros de comprimento, tornando-o notadamente maior do que o Tiranossauro-Rex.

8. PAKICETUS

Este ser onívoro antigo, que era mais ou menos do tamanho de um ser humano adulto, tinha um ás na manga: era rápido e mortal tanto na terra quanto na água.

7. PULMONOSCORPIUS, O ANTIGO ESCORPIÃO

Quando um escorpião tem mais de 70 centímetros de comprimento, eu já diria que é enorme. Assim, podemos todos estar felizes pelo fato de que o Pulmonoscorpius tenha morrido há cerca de 300 milhões de anos atrás.

6. TITANOBOA, A SUPER COBRA

O peso médio de uma Titanoboa crescida era de aproximadamente 1.150 quilos. Como referência, a maior espécie de cobras atualmente existente, a píton-reticulada, pode atingir mais de 9 metros de comprimento e pesar no máximo 160 quilos.

5. DUNKLEOSTEUS, O PEIXE ARMADO

Este peixe de 6 metros de comprimento tinha ossos enormes ao redor da porção anterior de seu corpo e isso provavelmente o ajudava a não sofrer danos significativos durante um ataque.

4. ARTHROPLEURA, O DIPLÓIDE GIGANTE

Ele media até 7,5 metros de comprimento, dá pra imaginar?!

3. GIGANTOPITHECUS, O MACACA GIGANTE

O Gigantopithecus chegava aos 3 metros de altura (quando estava parado, para ser mais claro, o que, provavelmente, raramente fazia) e chegava aos 590 quilos. Eles eram herbívoros, mas isso não significa que eram inofensivos.

2. PHORUSRHACIDAE, O PÁSSARO DO TERROR

Eles chegavam aos 3 metros de altura e provavelmente podiam correr a velocidades superiores a 48 quilômetros por hora. Esses pássaros não podiam voar e tinham garras afiadas, além de bicos poderosos.

1. PHOBEROMYS, UM ROEDOR GIGANTE

O Phoberomys pattersoni foi um roedor que viveu a cerca de oito milhões de anos atrás, e que media cerca de 3 metros de comprimento. Porém, também, adicione uma cauda de 1,5 metros. Pesava até 680 quilos e muitos espécimes tinham dentes 30 centímetros de comprimento.

 

[MisteriosDoMundo]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here