Um dos vídeos virais mais famosos da internet mostra um animal pequeno, de olhos grandes, segurado por uma pessoa que faz cócegas em sua barriga, enquanto ele levanta os braços e parece abrir um sorriso. Vídeos como esse estão matando essa espécie de primata asiático.

Conhecido como slow loris ou simplesmente lóris, o pequeno animal é nativo do sudeste da Ásia. Desde que viralizou na internet, o bichinho está sendo alvo de contrabando, maus tratos e do chamado “turismo de selfie”, o que está prejudicando a sobrevivência da espécie.

Com o sucesso dos vídeos e fotos, muitas pessoas estão se interessando em ter lóris como pets, fazendo com que o mercado de contrabando de animais silvestres faça de tudo para suprir essa demanda. Também não é incomum que as pessoas visitem os países onde os lóris vivem apenas para tirar fotos com eles, o que ajuda a alimentar o ciclo que os prejudica.

A exploração do animal como elemento fotográfico em redes sociais aumentou depois que a cantora Rihanna postou uma foto com um lóris na Tailândia. Em investigações sobre abusos ao animal, foi descoberto um bar em Marmaris, na Turquia, onde os lóris eram usados para atrair clientes, que pagavam 2,75 dólares para tirar uma foto com um deles.

Os primatas usados em vídeos e memes na internet são geralmente submetidos a maus tratos, e por uma série de peculiaridades, não podem, sob hipótese alguma, serem criados como animais de estimação.

Porque mantê-los em ambiente selvagem

O lóris é o único primata do mundo que possui uma mordida venenosa. Quando vendidos, têm seus dentes arrancados com alicates ou cortadores de unha, provocando muita dor. Além disso, a maioria dos lóris criados em ambiente doméstico acabam ficando obesos. Na natureza eles se alimentam de seiva de árvores, portanto, não conseguem digerir bem as calorias de frutas, ou arroz, que são geralmente oferecidos a eles.

Além disso, a urina do animal é extremamente tóxica, inclusive para ele próprio. Não raramente são colocadas pequenas fraldas neles, ou urinam na própria gaiola onde ficam presos. O contato prolongado com a urina pode provocar necrose dos tecidos.

Seus olhos também são prejudicados. Lóris possuem hábitos noturnos, com olhos preparados para enxergar no escuro e dormir durante o dia. Em ambientes domésticos, ficam expostos a luz artificial, o que pode prejudicar seriamente sua visão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here